Deep Fusion no iPhone 11, 11 Pro e 11 Pro Max

Deep Fusion no iPhone 11, 11 Pro e 11 Pro Max

Foi em setembro que foram anunciados os novos iPhones, com grande destaque para a sua qualidade fotográfica. Uma das funcionalidades destes novos equipamentos é o “Deep Fusion” que, no entanto, só ficou disponível com a versão 13.2 do iOS.

Assim sendo, esta é a altura ideal para aprenderes e começares a tirar o máximo partido da câmara do teu iPhone.

Antes de mais, convém entender o que é esta ferramenta. O Deep Fusion é apresentado pela Apple como sendo um “sistema avançado de processamento de imagens que usa o Mecanismo Neutral do Biónico A13 para capturar imagens com textura, detalhes e textura drasticamente melhores e com menos ruído em condições de luminosidade reduzida”. Basicamente, antes do obturador ser pressionado, já foram capturadas 4 imagens “curtas” e 4 secundárias. Assim que carregas no obturador, captura mais uma “longa” imagem. Em apenas um segundo, o sistema desenvolvido pela Apple analisa e combina as imagens capturadas até então e seleciona a melhor. Segundo a empresa de Cupertino, trata-se de uma “ciência louca da fotografia computacional”. Tens de experimentar para confirmar!

Este processamento de imagem ocorre sem que o utilizador se aperceba. Assim sendo, não haverá nenhum ícone que te indique que o Deep Fusion esteja ativo. No entanto, o processamento não ocorre em fotografias tiradas em sequência nem quando a lente ultra-wide esteja em uso.

Agora a pergunta que os utilizadores dos novos equipamentos da maça devem estar a fazer: como usar já?

Bem, para isso, e tal como foi referido anteriormente, tens de ter a versão iOS 13.2. Para verificar qual a versão que tens no teu iPhone, vai a Definições> Geral > Atualização de software. Se houver uma nova atualização, podes descarregar e instalar. Caso contrário, é sinal que já fizeste todas as atualizações possíveis.

Esta funcionalidade apenas funciona quando a opção “Capturar fotos fora do quadro” estiver desativada. Assim sendo, vai a Definições > Câmara e desativa esta opção.

Após estes passos, o Deep Fusion está pronto a funcionar. Para experimentar, vai à Câmara e certifica-te que estás a usar a lente wide ou telefoto (1x ou superior). Como dito anteriormente, o Deep Fusion funciona de modo “silencioso” e não há nenhuma forma de saberes que este está a ser usado!

Agora mais do que nunca estás pronto a capturar imagens mais profissionais!

Categorias: Funcionalidades, iOS, iPhone
Como utilizar a partilha de áudio no iOS/iPadOS 

Como utilizar a partilha de áudio no iOS/iPadOS 

Desde a introdução do iOS 13.1, que é possível partilhares áudio através dos AirPods e auscultadores da gama Beats no iPhone e no iPad.

Esta útil e importante funcionalidade, irá permitir-te partilhar o que estás a ouvir com um familiar ou amigo de forma prática e simples. Deste modo este recurso poderá ser-te bastante útil, em várias ocasiões. No caso de por exemplo estares a ver um filme, no ginásio ou na rua com outra pessoa, poderás partilhar facilmente o som que está a ser emitido para os teus auscultadores sem fios, à distância de apenas um click na Central de Controlo.

Como utilizar a partilha de áudio no iOS/iPadOS 

O processo de partilha de áudio, conforme te indicamos anteriormente, é extremamente simples e fácil de utilizar. Primeiramente terás de colocar a funcionar qualquer aplicação que utilize o audio do teu iPhone/iPad e possuires os teus AirPods ou Beats nos ouvidos.

De seguida, deverás invocar a Central de Controlo, que nos que equipamentos que possuem Face ID é feito através de um Swipe no canto superior direito. Porém, nos equipamentos que possuem ainda Touch ID, apenas terás de deslizar da parte inferior do teu equipamento para cima.

Posteriormente já com a Central de Controlo aberta deverás clicar no ícone da antena que consta no seu canto superior direito. Nesta altura deverás aproximar a caixa dos AirPods ou os próprios auscultadores no caso dos Beats, junto do teu equipamento.

Entretanto irá aparecer-te imediatamente a opção de Partilha de áudio, deverás selecionar a mesma e clicar no botão da parte de trás, no caso dos AirPods. Quanto aos Beats o processo é semelhante, apenas terás de seguir as instruções indicadas no ecrã.

De referir, que poderás controlar o volume de ambos os auscultadores, contudo cada utilizador terá igualmente acesso a alterar o seu volume dos seus auscultadores conforme desejar.

Por fim para encerrares a partilha de áudio, terás apenas de invocar novamente a Central de Controlo, clicar no icone da antena e clicar no visto que possui no lado direito com o nome dos auscultadores do teu convidado.

De salientar que esta funcionalidade está disponível apenas no iPod Touch (7ª geração), iPad (5ª geração e posterior), iPad Pro (12,9” – 2ª geração e posterior), iPad Pro 10,5” e 11”, iPad Air (3ª geração), iPad Mini (5ª geração) e iPhone 8 e posterior.

Para além disso, este recurso é compatível com todas as gerações dos AirPods e nos Powerbeats Pro, Beats Solo 3 Wireless, Beats X, Beats Studio 3 Wireless e Powerbeats 3 Wireless.

Categorias: Funcionalidades, iOS, iPhone
Como atualizar apps no novo iOS 13/ iPadOS

Como atualizar apps no novo iOS 13/ iPadOS

O iOS 13 e o iPadOS foram os sistemas operativos lançados pela Apple este ano e trouxeram consigo algumas mudanças aos seus utilizadores. Uma delas foi a mudança do local do separador de atualizações de apps na App Store!

​Nas versões anteriores, para atualizar as aplicações, bastava abrires a App Store e tinhas um separador único de “Atualizações.” Agora, o processo continua a ser fácil, embora não tão intuitivo.

​Deves aceder à “App Store” e clicar na tua fotografia, posicionada no canto superior direito da interface.

As aplicações atualizadas recentemente encontram-se listadas. Se tiveres alguma app que necessite de ser atualizada, também deverá aparecer nesta lista.

​No entanto, podes ainda “Atualizar tudo” e, sem dares por isso, todas as tuas apps vão ficar atualizadas em pouco tempo!

​Podes ainda permitir que o teu iPhone atualize as aplicações de forma automática, desde que estejas ligado a uma rede Wi-Fi. Para tal, deves ir às Definições > ID Apple > iTunes e App Store > Ativa a opção de atualizações.

Categorias: Actualizações, iOS, iPhone
Como desativar e apagar o histórico de partilha de dados e áudio da Siri

Como desativar e apagar o histórico de partilha de dados e áudio da Siri

Após lançar a versão 13.2 do iOS, a Apple cumpriu com o prometido, ao disponibilizar a opção facultativa de partilha de dados e áudio da Siri. 

Recentemente a empresa de Cupertino, foi alvo de várias críticas, devido a utilizar gravações de vários utilizadores sem o consentimento dos mesmos. O seu principal objetivo ao realizar este uso indevido, era de melhorar a precisão e fiabilidade da sua assistente virtual.

Contudo, conforme te mencionamos anteriormente esta situação já foi corrigida pela própria Apple. Desta forma, iremos explicar-te de seguida como podes desativar a partilha de dados de audio da Siri, bem como apagar o histórico existente.

Desativar a partilha de gravações da Siri

Caso queiras salvaguardar a tua privacidade e não partilhar com a gigante de Cupertino os teus dados e gravações deverás seguir os seguintes passos:

Abrir Definições > Escolher Privacidade >  Análise e Melhorias > Desativar a opção Melhorar Siri e o Ditado

Como apagar o histórico de gravações audio da Siri

Em contrapartida se optares por partilhar os teus dados e gravações com a Apple, terás sempre uma útil opção de apagar o histórico existente, sempre que assim o desejares.

Com efeito apenas terás selecionar a seguinte opção:

Abrir Definições > Selecionar Siri e Pesquisa > De seguida Histórico de Siri e Ditado > Apagar histórico de Siri e Ditado

Relembramos a importância que estes recursos possuem hoje em dia, para nós utilizadores. Uma vez que a nossa partilha de dados e privacidade deverá sempre ser gerida por nós próprios e não como em muitos casos sucede, por empresas terceiras.

Categorias: Funcionalidades, iOS, iPhone
Como desativar o preview de links no iOS 13/iPadOS

Como desativar o preview de links no iOS 13/iPadOS

O iOS 13 e iPadOS trazem uma panóplia de novas funcionalidades e uma delas é a implementação geral do haptic touch, que substitui, em alguns modelos do iPhone, o 3D Touch – tecnologia similar ao Haptic touch, mas que detetava com mais precisão a pressão do dedo no ecrã.

Assim, o Haptic touch permite agora usos variados no iPhone e iPad, como os menus contextuais nos ícones das apps do ecrã principal e agora preview de links no Safari, acompanhado de um menu contextual de partilha.

Mas se isso te incomoda e estás constantemente a ativá-lo sem querer sabe aqui como desativar o recurso, ou parte dele – a mais incomodativa, o carregamento de um preview da página.

Só precisas de clicar num link para ativar o preview de links e clicar na opção  Ocultar pré-visualização. Assim, da próxima vez que abrires o menu contextual do link ele só te vai mostrar o menu contextual e o link por extenso.

Para reativar o preview total do link, fazes extamanete o inverso.  O texto no botão de menu será alterado para Mostrar pré-visualização.

Categorias: Funcionalidades, iOS, iPhone
iPhone: Sabias que (finalmente) já é possível alterar a resolução do vídeo na App câmara?

iPhone: Sabias que (finalmente) já é possível alterar a resolução do vídeo na App câmara?

A Apple apresentou uma versão reformulada da sua App nativa de câmara para os novos modelos do iPhone 11, iPhone 11 Pro ou 11 Pro Max. Esta nova app adiciona várias funcionalidades como o modo noite da câmara e a tão pedida opção de mudar a resolução do vídeo dentro da própria App – sem ser necessário ir às definições do iPhone para o fazer.

Foi com o iOS 13.2 que a Apple adicionou este último recurso, tão pedido pelos utilizadores de iPhone, que eram muitas vezes alvo de troça dos utilizadores de Android, que na grande maioria eram capazes de fazer isso diretamente da App câmara dos seus smartphones.

Assim, se és utilizador de um dos novos iPhones podes fazer a mudança de resolução e frames tocando em cima do número da resolução e frames. Tão simples quanto isto!

É pena é que os iPhones anteriores não tenham ganho direito a isto, a algo que já devíamos ter há muito tempo!

Categorias: Funcionalidades, iOS, iPhone
iOS 13: Como remover os Memoji Stickers do teclado de emojis

iOS 13: Como remover os Memoji Stickers do teclado de emojis

Os Animojis e Memojis têm vindo a tornar-se cada vez mais relevantes na interação entre utilizadores de dispositivos da Apple. E a acompanhar esse crescer do interesse, a Apple tem vindo a apostar cada vez mais na sua usabilidade e disponibilidade.

Senão vejamos o caso dos Memoji Stickers, que chegaram este ano com os novos softwares iOS 13 e iPadOS. A funcionalidade está não só disponível em iPhones e iPads mais recentes (com Face ID) como também em todos os outros iPhones e iPads compatíveis com os updates (sem Face ID).

Os Memoji Stickers podem ser configurados através da App de Mensagens no iPhone ou iPad e aparecem na opção do teclado para emojis. Mas se és daqueles que não usa os Memoji Stickers até te podem atrapalhar no uso dos emojis convencionais, dado que quando abres o teclado de emojis eles são a primeira coisa que te aparece.


Pois com o iOS 13.3, a Apple vai disponibilizar uma opção para removeres os Memoji Stickers do teclado. Se estiveres a rodar a beta neste momento, poderás encontrar a opção em Definições > Geral > Teclado. Depois procura em baixo pela opção Memoji Stickers. É só desativares o botão para remover.

 


Dado que o iOS 13.3 está ainda em beta, esta opção pode mudar de lugar no sistema operativo. Ou até ser removida na versão final. Caso não seja, fica aqui a dica!

Categorias: Funcionalidades, iOS, iPhone
Gere o teu e-mail de forma mais eficiente com a app Mail da Apple

Gere o teu e-mail de forma mais eficiente com a app Mail da Apple

Os novos softwares iOS 13 e iPadOS trazem uma panóplia de novidades, não só a nível de novas funcionalidades como mudanças na interface do utilizador. E uma dessas mudanças reside na app nativa Mail, onde as opções de edição se tornaram mais intuitivas através de novos gestos.

Senão vejamos que selecionar, mover ou apagar rapidamente vários emails no iPhone e iPad pode ser feito com um simples toque de dois dedos.

Na caixa de entrada que desejas gerir, basta dares um toque com dois dedos para entrares na interface de edição. De seguida, basta arrastares com os dois dedos para selecionares mais que um e-mail e, por exemplo, para apagar é só selecionares a opção lixo na parte inferior da interface.

Sabias desta dica? Achas que te vai dar jeito na gestão do teu e-mail? Conta-nos tudo nos comentários!

Categorias: Funcionalidades, iOS, iPhone
Aprende a usar os novos gestos de edição de texto do iOS 13

Aprende a usar os novos gestos de edição de texto do iOS 13

Com o recente lançamento do iOS 13, foram adicionados ao sistema operativo da Apple novos gestos para edição de texto e toques no ecrã, que podem ser utilizados tanto no iPhone como no iPad. 

São funcionalidades bastante úteis a nível de produtividade e prometem tornar as tarefas de selecionar, copiar, colar, etc. bastante mais simples e eficazes. 

O problema é que algumas funções são completamente diferentes de como se executavam no iOS 12, como tal é normal que sejam desconhecidas de grande parte dos utilizadores. 

Este artigo serve precisamente para te mostrar como se fazem agora os novos gestos, para que tires o máximo partido do teu iPhone ou iPad. 

Como mover o cursor pelo ecrã de edição

Mover o cursor funciona exatamente da mesma forma que anteriormente, mas a funcionalidade foi aprimorada no iOS 13. O cursor está bastante mais preciso agora e também podes tocar no cursor e manter lá o dedo e o mesmo fica maior, para que o vejas com maior facilidade. Para isso basta:

  • começar a digitar texto numa aplicação compatível, por exemplo nas Notas
  • Tocar e segurar no cursor até o mesmo ficar maior
  • Arrastar o cursor para o local pretendido


Como mover o cursor com o Trackpad virtual

Uma função bastante útil mas ainda desconhecida de bastantes utilizadores, é a capacidade de tornar o teclado num fantástico trackpad que permite mover o cursor por todo o ecrã sem tirar o dedo do ecrã. A forma como isso funciona nos dispositivos Apple, depende do dispositivo em questão e da tecnologia que o mesmo possuiu. 

No iPhone 6S e posteriores trata-se do 3D Touch, nas 3 versões do iPhone 11 e iPhone XR o Haptic Touch e nos iPads basta pressionar o ecrã durante mais tempo. 

Nos iPads ou nos dispositivos com Haptic Touch basta pressionar e segurar a tecla de espaço para ativar o trackpad. Nos dispositivos com 3D Touch basta pressionar e segurar em qualquer zona do teclado, as teclas irão desaparecer para dar lugar ao trackpad. 

Como selecionar texto

Abaixo seguem vários exemplos de diferentes formas de fazer seleção de texto no iOS 13:

Existem duas formas de selecionar palavras no iOS 13, ou clicar duas vezes na palavra, ou então colocar o dedo em cima da mesma e manter até sentir o feedback táctil do dispositivo.

Para selecionar uma frase inteira, basta tocar 3 vezes numa qualquer palavra dessa mesma frase.

Para selecionar um parágrafo inteiro, basta tocar 4 vezes numa qualquer palavra desse parágrafo.  

Como cortar, copiar e colar com gestos

Uma das novidades presentes no iOS 13 é a possibilidade de cortar, copiar e colar através de gestos. Experimenta escrever algum texto numa aplicação compatível com esta funcionalidade. Posteriormente podes:

  • Copiar, basta colocar três dedos no ecrã e fazer um movimento de fora para dentro, como que a juntar os dedos.

Para cortar, basta fazer o mesmo gesto de copiar, mas duas vezes. 

E por fim, para colar algo que acabaste de copiar ou cortar, basta fazeres o movimento com 3 dedos igual ao de copiar, mas ao contrário, de dentro para fora.

Como usar a seleção inteligente

Mais uma nova funcionalidade presente no iOS 13, é a seleção inteligente, que te permite selecionar de uma forma mais rápida endereços de email, números de telefone, etc.

Basta clicar duas vezes em cima das informações que pretendes, para que as mesmas fiquem selecionadas automaticamente.

Como ajustar texto selecionado

Depois de teres uma palavra selecionada, podes sempre ajustar o texto se quiseres selecionar mais algumas palavras ao lado. Basta colocares e manteres o dedo em cima daqueles “pinos” amarelos que ficam na extremidade do texto selecionado e arrastares os mesmos para onde pretenderes. 

Usar a barra de opções

Em alternativa aos gestos todos que partilhei até agora, podes simplesmente usar a barra de opções para copiar, colar, cortar, anular, etc. Para que a mesma apareça, basta tocares no ecrã e manteres, com 3 dedos.

Como desfazer e refazer texto

Desfazer ou refazer texto é bastante simples e útil. Para desfazer basta deslizar 3 dedos para a esquerda na zona em que estás a editar e para refazer é precisamente o oposto, basta deslizar 3 dedos para a direita. Tão simples como isso!

Categorias: iOS, iPhone
Como usar o Exposé de apps no iPadOS

Como usar o Exposé de apps no iPadOS

Com o lançamento do iPadOS, a Apple aprimorou a experiência multitarefa do iPad, introduzindo novas funcionalidades de interface.

Uma dessas funcionalidades é o Exposé de apps que permite abrir outros documentos a partir da mesma app, e permite ver todas as janelas abertas dessa app específica.

Assim sendo, há dois métodos de usar o Exposé de apps no iPadOS.

Primeiro método:

Na tela inicial, pressiona e segura o ícone de uma app, como por exemplo o Safari, o Pages, Numbers e o Keynote até que um menu seja exibido.
Abrir-se-á uma janela pop-up. Toca na opção “Mostrar todas as janelas” para abrir o Exposé para essa app.
Se a opção não estiver listada no menu pop-up, então é porque não há janelas abertas nessa app.
O Exposé de apps revelará todas as janelas abertas dessa app, incluindo as que estão no modo de visualização Split Screen e Slide Over.

Segundo método:

Quando estiveres a usar uma app, seja no modo de visualização Split Screen e Slide Over, da parte inferior da tela desliza o dedo para cima para mostrar a Dock.
Depois toca no ícone dessa mesma app que está na Dock.
Mais uma vez, o Exposé de apps revelará todas as janelas abertas dessa app, incluindo as que estão no modo de visualização Split Screen e Slide Over.
Toca num dos documentos para o abrir. Em alternativa, podes tocar no botão “+” para abrir um documento diferente ou criar um novo no gestor de documentos.

Esperamos que estas dicas te sejam úteis.

Tens alguma dúvida sobre o Exposé de apps? Deixa nos comentários!

Categorias: Funcionalidades, iOS
iOS 13.2 – Ouve as tuas mensagens escritas usando AirPods e a Siri

iOS 13.2 – Ouve as tuas mensagens escritas usando AirPods e a Siri

A partir do iOS 13.2 que sairá brevemente, poderás ouvir as tuas mensagens escritas através da Siri. Mas depois de ouvir ainda poderás responder apenas falando, e isto tudo com os teus AirPods de segunda geração ou com os Powerbeats Pro. 

Imagina que estás no ginásio e que estás a ouvir a tua música de motivação para a sessão de exercício, o jeito que dá ouvir logo uma mensagem escrita e responder apenas usando a voz. 

Para se aceder a esta nova funcionalidade terás de ter instalado o iOS 13.2 e uns dos auriculares sem fios acima referidos. Para ativar basta ires a Definições > Siri e Pesquisa > Anunciar Mensagens. Já dentro dessa opção poderás ativar a resposta sem ter de desbloquear o teu iPhone.

No futuro próximo a função de ler e responder a usar esta funcionalidade, estará disponível em outras aplicações como o WhatsApp.

Categorias: Funcionalidades, iOS, iPhone
Como digitalizar documentos através da App Ficheiros no iPhone ou iPad

Como digitalizar documentos através da App Ficheiros no iPhone ou iPad

Todos nós, alguma vez na vida já necessitamos de digitalizar um documento. Recorrer a uma impressora para o fazer torna-se cada vez mais desnecessário, tendo em conta as ferramentas que as novas tecnologias.

A Apple sabe desta necessidade dos seus utilizadores e desde o iOS 11 que incorporou a possibilidade de digitalizar um documento, usando a câmara do iPhone, e salvá-lo como nota. Com o novo iOS 13, lançado este outono, esta ferramenta passou a fazer parte dos “Arquivos” no iPhone e salvá-los em formato PDF. Neste sentido, o utilizador pode depois guardá-lo na iCloud Drive e tê-lo disponível em todos os dispositivos Apple.

O artigo de hoje irá ajudar-te a tirares o máximo partido deste recurso! Digitalizar nunca foi tão fácil.

  • No ecrã principal do iPhone ou iPad, inicia a aplicação “Ficheiros”.
  • Seleciona as reticências (“…”), num ícone que está no canto superior direito.
  • Escolhe a opção “Digitalizar documentos”.
  • Em seguida, com a câmara do iPhone ou iPad, podes captar o documento.
    Para tal, existem dois modos: automático e manual. No modo automático, ao apontares a câmara para o documento a digitalizar, a captura será automática. No modo manual, serás tu que terás de ordenar a digitalização.
    Nas reticências, podes ainda personalizar a digitalização, definindo as cores da mesma. Se necessário, para uma melhor qualidade, podes usar o flash da câmara, se tiver disponível no teu equipamento.
  • No final, podes recortar o documento, através dos 4 vértices a azul. Quando estiver perfeito, seleciona “Guardar”.
  • Repete o processo para as páginas seguintes.
  • No final, seleciona o local onde pretendes guardar o teu documento digitalizado.

É um processo bem simples e que te permite fazer digitalizações rápidas num formato simples e claro. A qualidade dependerá sempre do ambiente em que a “fotografia” é realizada, mas, de uma forma geral, produz bons resultados.

Categorias: Funcionalidades, iOS, iPhone